Vídeo: Por que tantas misturas musicais em um single só?

Uma explicação para o motivo de tantos gêneros musicais em hits como “Sua Cara” (Major Lazer) e “Feels” (Calvin Harris)

Peguemos o hit mais recente do ano: “Sua Cara”, de Major Lazer com as participações de Anitta e Pabllo Vittar. Em uma música com menos de 3 minutos tem-se eletrônica, o brega paraense e a música pop brasileira.

Outro exemplo recente de mistura na música pop é “Feels”. Além da eletrônica de Calvin Harris, há o pop de Katy Perry, o R&B de Pharrell e o rap de Big Sean.

Antigamente, misturas de gêneros musicais tinham um nome: crossovers. Com a demanda cada vez maior da indústria musical pela junção de todos esses elementos, o termo foi deixando de ser utilizado. Afinal, tudo é pop mesmo, não é?

Mas, por que a necessidade dessas misturas? Por que tantos elementos em uma música só? Foi com essas perguntas na cabeça que gravamos o vídeo desta semana no canal do YouTube do Na Mira. Confira:

Também subimos uma playlist no nosso perfil do Spotify sobre o assunto:

Inscreva-se em nosso canal do YouTube e siga o Na Mira pelo Spotify para acompanhar mais novidades. Toda terça tem vídeo novo.

Share this post

Tiago Ferreira

Editor do Na Mira desde 2010. Já trabalhei como redator de comunicação interna, produtor de conteúdo da B2W (Americanas, Submarino e afins) e atualmente sou repórter de notícias, ciência e tecnologia no Vix.com. Também sou colaborador eventual da Revista da Cultura (da Livraria Cultura).

Sem Comentário

Adicione um comentário