Hardwired…, novo disco do Metallica comentado via Twitter

Sucessor de Death Magnetic (2008) tem 26 faixas; veja nossas primeiras impressões sobre ele

Gravadora: Blackened
Data de Lançamento: 18 de novembro de 2016

Realmente os tempos mudaram. O Metallica fez algo totalmente inovador em sua carreira: disponibilizou o disco inteiro na íntegra no YouTube. (Pensando bem, talvez isso nem seja mais tão surpreendente, já que boa parte dos fãs de música utiliza pelo menos um serviço de streaming.)

O termo inovação não cai bem com o Metallica desde… sei lá, 1991? Oito anos após o comentado Death Magnetic (2008), o grupo de James Hetfield e Lars Ulrich retornou bastante pretensioso com uma proposta de álbum triplo.

Hardwired… To Self-Destruct possui nada menos que 26 faixas! Quer dizer… Com exceção de 9 delas, registradas ao vivo em um show na Califórnia, de abril deste ano, são 17. Mas, bom, tirando as versões de músicas de Iron Maiden (“Remember Tomorrow”), Deep Purple (“When a Blind Man Cries”), uma homenagem feita ao grupo Rainbow, de Ronnie James Dio (“Ronnie Rising Medley”), além de uma versão ao vivo da faixa-título…

Enfim, são 13 músicas inéditas do Metallica.

Dessa vez, o Na Mira resolveu fazer diferente: falamos sobre Hardwired em livestreaming no Twitter, com a hashtag #MetallicaNaMira. Vai vendo:

Lembrando que essas opiniões foram emitidas na primeira audição do disco.

E aí, o que você achou de Hardwired?


Publicidade



Artistas Metallica

Share this post

Tiago Ferreira

Editor do Na Mira desde 2010. Já trabalhei como redator de comunicação interna, produtor de conteúdo da B2W (Americanas, Submarino e afins) e atualmente sou repórter de notícias, ciência e tecnologia no Vix.com. Também sou colaborador eventual da Revista da Cultura (da Livraria Cultura).

Sem Comentário

Adicione um comentário