Hernan Borges de Oliveira e Johnny R. Rosa, que formam o Giant Gutter From Outer Space

Giant Gutter From Outer Space: volume, efeitos… e ação!

Em Charred Memories, duo instrumental de stoner-rock de Curitiba retorna ainda mais pesado

Gravadora: Sinewave
Data de Lançamento: 1º de fevereiro de 2018

Dois anos após a estreia com o EP Set Adrift, o grupo de Curitiba Giant Gutter From Outer Space, formado pelo baterista Johnny R. Rosa e o baixista Hernan Borges de Oliveira, lança mais um disco pelo selo paulistano Sinewave: Charred Memories.

São 6 faixas de um stoner-rock arrastado, mas que impacta pelo peso. Em poucas palavras, ouvir Charred Memories é testemunhar dois operários que buscam, com afinco, erguer uma obra monumental.

Para isso, é necessário estruturas peças gigantescas, impressão que se tem ao ouvir o que o duo entrega em temas como “Stored”, sustentada por uma agilidade rítmica, e “Withered”, que é praticamente uma antítese por oferecer um carregamento mais vagaroso de suas energias.

Capa do disco Charred Memories, do Giant Gutter From Outer Space

Novo álbum do Giant Gutter From Outer Space

A faixa que abre o disco, “Encoded”, tem um senso meio jazzístico. É um take bem completo para a proposta de um duo, porque os efeitos de reverberação e o tempo intrincado seguido pela bateria funcionam como elementos que se multiplicam ao longo da canção. Assim, não demora para que ela adquira uma faceta mais punk, pela forma progressiva com que se torna ágil.

Talvez a melhor faixa de Charred Memories seja a última, “Charred”. Nela, o duo retoma aquele espírito aviltante de grupos como Massacre, só que de forma bem mais acelerada e intensa, como se estivesse acompanhando ao vivo uma corrida de alta velocidade e, ao mesmo tempo, oferecendo a melhor trilha para representar a contínua aceleração dos competidores.

O álbum foi gravado e masterizado por Murillo da Rós, no Clínica Pro Music Studio.

A Sinewave é responsável pelo lançamento do álbum do Giant Gutter From Outer Space no Brasil. No mercado internacional, o disco conta com a divulgação de selos como Terranean Recordings, BirthDeath Records, MuteAnt Records e Vibrio Cholerae Records.

Ouça Charred Memories na íntegra (para ouvir no Spotify, clique aqui):

Leia também: A estreia do Giant Gutter From Outer Space com o EP Set Adrift (2016)

***

Confira nosso vídeo explicando a música avant-garde – ou, para alguns, ‘música estranhona’:

*Inscreva-se no nosso canal do YouTube e acompanhe os vídeos semanalmente

Share this post

Tiago Ferreira

Editor do Na Mira desde 2010 - que, além de site, também é canal do YouTube e Embaixador Spotify. Já trabalhei como redator de comunicação interna, produtor de conteúdo da B2W (Americanas, Submarino e afins) e repórter de entretenimento, ciência e tecnologia no Vix.com. Também sou colaborador eventual da Revista da Cultura (da Livraria Cultura).


Mais artigos para você:


Poste um novo comentário